Fundação Calouste Gulbenkian

Fundação Calouste Gulbenkian está a recrutar Produtor Sénior – Live Arts

A Fundação Calouste Gulbenkian foi criada em 1956 por testamento de Calouste Sarkis Gulbenkian, filantropo de origem Arménia que viveu em Lisboa entre 1942 e 1955, ano em que faleceu.

De nacionalidade Portuguesa e instituída em perpetuidade, a Fundação tem como propósito fundamental melhorar a qualidade de vida das pessoas através da arte, da beneficência, da ciência e da educação. A Fundação desenvolve as suas atividades a partir da sua sede em Lisboa e das delegações em Paris e em Londres, tendo também intervenção através de apoios concedidos desde Portugal nos PALOP e Timor-Leste bem como nos países com Comunidades Arménias.

A Fundação conta com um museu, que alberga a coleção particular de Calouste Gulbenkian, e um Centro de Arte Moderna (CAM) que reúne a mais importante coleção de arte moderna e contemporânea portuguesa; uma orquestra e um coro; uma biblioteca de arte e arquivo; um instituto de investigação científica; e um jardim, que é um espaço central da cidade de Lisboa, onde decorrem também as atividades educativas.

Em articulação com as atividades culturais, a Fundação Calouste Gulbenkian cumpre a sua missão através de programas inovadores que desenvolvem projetos piloto e apoiam, através de bolsas e subsídios, instituições e organizações sociais.

Para o período 2018-2022, os três domínios prioritários — coesão e integração social, sustentabilidade e conhecimento – deverão ser refletidos em toda a estratégia de intervenção.

Comprometida com a sua plena independência e preservação do seu património, a Fundação define como principal prioridade para a sua atividade a construção de uma sociedade que ofereça iguais oportunidades e que seja sustentável.

Oferta – Produtor/a Senior – Live Arts – Lisboa

A Fundação Calouste Gulbenkian procura reforçar a equipa do Centro de Arte Moderna com um/a Produtor/a Senior, que será responsável por assegurar a produção do programa Live Arts do CAM. O programa Live Arts inclui palestras, performances, exibições de filmes e outros eventos ao vivo, além de encomendar e apresentar novos trabalhos, que vão acontecer em todo o novo edifício do CAM, no jardim e no domínio público.

Principais responsabilidades

Planeamento e Produção

  • Assegurar a execução do calendário do programa Live Arts junto com a coordenação, garantindo a produção de um programa uniformemente espaçado ao longo do ano, tendo em conta o público, a atividade interna da Fundação Gulbenkian, e a programação cultural da cidade e internacional;
  • Planear anualmente o programa do Live Arts, definindo cronogramas de projetos e as necessidades de recursos (financeiros e humanos), assim como os indicadores-chave de desempenho dos projetos;
  • Supervisionar a produção dos eventos de Live Arts com os mais altos padrões, promovendo colaborações com as equipas de produção da instituição (nomeadamente as equipas técnicas, produção e marketing) e fazendo a ligação com parceiros e colaboradores externos. Terá ainda que assegurar a produção de projetos especificos;
  • Assegurar acordos contratuais adequados com artistas, parceiros e colaboradores e garantir que as obrigações sejam cumpridas;
  • Garantir uma comunicação clara e oportuna dos projetos de Live Arts para os principais serviços internos interessados, a fim de promover a colaboração com outras vertentes do programa e apoiar a promoção das atividades.

Gestão e representação

  • Trabalhar em estreita colaboração com o coordenador de Live Arts, gerindo, guiando e apoiando gestão da pequena equipa de produção de Live Arts do CAM, promovendo um ambiente de trabalho de colaboração ativa;
  • Elaborar e implementar sistemas e processos de melhores práticas para a produção do programa Live Arts, incluindo avaliação e relatórios;
  • Representar o CAM em eventos Live Arts, interna e externamente;
  • Manter-se a par das tendências e evoluções no campo cultural (particularmente Live Arts); incluindo oportunidades para parcerias e colaborações;
  • Contribuir para o compromisso da instituição em incorporar equidade e sustentabilidade em todas as áreas de atuação;
  • Para além das responsabilidades acima mencionadas, a função deve cumprir com outras responsabilidades, não especificadas, necessárias à prossecução dos objetivos dos projetos e da equipa de trabalho e/ou da organização.

Competências

  • Experiência mínima de 3 anos em funções similares ou no âmbito de produção de projetos artísticos ao vivo (ie festivais, teatros, performances, concertos ou outras formas artísticas e eventos da area do Live Arts);
  • Licenciatura em Humanidades, História de Arte ou similares;
  • Experiência demonstrável de operacionalização de projetos artísticos live, gerindo simultaneamente vários orçamentos e cronogramas;
  • Excelentes competências ao nível da Comunicação interpessoal, com capacidade para comunicar com diferentes comunidades, parceiros, artistas e participantes e gosto pelo trabalho em equipa;
  • Capacidades comprovadas de pensamento criativo e resolução de problemas, e excelente competência ao nível da organização e gestão de informação e de trabalho em simultâneo;
  • Conhecimento e interesse em arte contemporânea e práticas artísticas, a nível nacional e internacional;
  • Domínio, escrito e falado, da língua portuguesa e inglesa.

Mais informações e candidaturas [AQUI]

Empregos e estágios perto de si

O E2 Emprego e Estágios não tem qualquer afilição com as empresas/entidades a que se referem as ofertas. As imagens/logótipos presentes nas ofertas são propriedade das mesmas.

Veja também

UP Universidade do Porto

Universidade do Porto está a recrutar para a Unidade de Gestão de Imobilizado e Stocks

A Universidade do Porto, fundada em 1911, é uma instituição de ensino e investigação científica …