Este site utiliza cookies. Ao navegar está a consentir a sua utilização. Fechar
Assembleia da República

Assembleia da República está a recrutar na área de Comunicação

A Assembleia da República é o órgão legislativo do Estado Português. É o segundo órgão de soberania de uma República Constitucional.

A Assembleia da República é a assembleia representativa de todos os cidadãos portugueses, dispondo de competências legislativas, de fiscalização e relativas a outros órgãos.

É um dos dois órgãos de soberania eletivos previstos na Constituição, além do Presidente da República, cabendo-lhe o papel constitucional de “assembleia representativa de todos os cidadãos portugueses”.

Enquanto câmara de Deputados eleitos por sufrágio universal, direto e secreto, a Assembleia da República representa todos os cidadãos portugueses, agindo em seu nome e sendo responsável perante estes.

Tal como os demais órgãos de soberania como tal definidos pela Constituição – Presidente da República, Governo e Tribunais – é dotada de poderes soberanos do Estado, destacando-se no sistema político em razão da sua função primordial de representação dos cidadãos, de que decorre a sua natureza de principal órgão legislativo, base de formação do Governo e órgão perante o qual o Executivo é responsável.

Oferta – Assessor Parlamentar – Área de Comunicação Digital – Lisboa

Caracterização do posto de trabalho

  • Funções específicas de acompanhamento e assessoria técnica especializada aos trabalhos parlamentares e aos órgãos e serviços da Assembleia da República;
  • Funções de investigação, estudo, planeamento, programação, conceção, adaptação e aplicação de métodos e processos científico-técnicos de âmbito geral e especializado, que fundamentem e preparem a decisão de apoio à atividade parlamentar;
  • Funções exercidas com responsabilidade e autonomia técnica, ainda que com enquadramento superior qualificado e com a imparcialidade e a isenção inerentes às várias vertentes do apoio à atividade parlamentar;
  • Elaboração de pareceres com diversos graus de complexidade e de propostas que visem a prevenção e a resolução de problemas concretos nas várias vertentes do apoio à atividade parlamentar, bem como a satisfação de necessidades próprias da Assembleia da República.

É requisito especial de admissão estar habilitado, no mínimo com

  • a) Grau de licenciatura anterior ao processo de Bolonha ou com o 1.º e 2.º Ciclo de Bolonha em, pelo menos, uma das seguintes áreas: Comunicação Digital, Marketing Digital, Comunicação Audiovisual e Multimédia, Comunicação e Tecnologia Digital; ou
  • b) Grau de licenciatura anterior ao processo de Bolonha ou com o 1.º e 2.º Ciclo de Bolonha em, pelo menos, uma das seguintes áreas: Design, Publicidade, Marketing e Comunicação e, pelo menos, 150 (cento e cinquenta) horas de formação técnica nas áreas referidas na alínea a) do presente ponto (Comunicação digital, Marketing digital, Comunicação audiovisual e multimédia, Comunicação e tecnologia digital).

Remuneração

  • A remuneração corresponde à 1.ª posição, nível 12, da categoria de assessor parlamentar, constante do anexo II do EFP.

Mais informações e candidaturas [AQUI]

Empregos e estágios perto de si

Veja também

Banco CTT

Banco CTT está a recrutar para a área de Crédito à Habitação

O Banco CTT nasce da evolução natural do negócio de serviços financeiros já prestados pelos …